Notícias

23/09/2015 - Projeto “Arborização nas Escolas” incentiva criança a preservar o meio ambiente

Cinco espécies de árvores nativas foram plantadas em uma área livre da Escola Municipal Monsenhor José Alves Landim, localizada no bairro de Soledade, Zona Norte de Natal. A ação faz parte do projeto “Arborização das Escolas”, e aconteceu na tarde de segunda-feira (20).

O plantio de três Aroeiras, uma Ubaia, e uma Sabão de Soldado – todas árvores nativas – serviu como lançamento oficial do projeto, idealizado “com o objetivo de incentivar às crianças a contribuírem com a preservação do meio ambiente e de lutar por um mundo mais sustentável”, destacou Gleydson José Bento Lima, que integra a equipe do Setor de Ações e Projetos do Ensino Fundamental da Secretaria Municipal de Educação.

De acordo com Gleyson Lima, a ideia surgiu a partir da realização do Seminário de Educação Ambiental, promovido pelo Instituto World Wide Found For Nature (WWF Brasil), em agosto de 2015.

O projeto de “Arborização das Escolas” está sendo realizado em parceria firmada com a Secretaria Municipal de Educação (SME), Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) e com o apoio do Centro de Controle Zoonoses (CCZ).

Além da escola Monsenhor José Alves Landim, as escolas Bernardo Nascimento (localizada no bairro de Felipe Camarão) e Professora Terezinha Paulino (no Parque dos Coqueiros) e Professora Francisca Ferreira da Silva (Bom Pastor) também serão contempladas com o projeto.

Uma das motivações para o lançamento do projeto acontecer na Escola Municipal Monsenhor José Alves Landim, é a já existência na unidade, de outro trabalho com a mesma proposta. O projeto é “Um Outro Olhar sobre o Espaço”, desenvolvido com objetivo de “tornar o processo de ensino e aprendizagem mais dinâmico e envolvente”, é coordenador pelo professor de Geografia, João Pedro da Silva Neto.

O professor João Pedro conta que durante toda semana que antecedeu ao evento de lançamento do projeto, os alunos trabalharam com criação de textos relacionados à preservação do meio ambiente. Durante o evento, uma palestra sobre a importância das árvores nativas para o meio ambiente e sobrevivência do homem, foi ministrada pelo Núcleo de Educação Ambiental da Semurb.

Aos 11 anos, Micaele Nunes disse que entendeu direitinho a proposta do projeto e explicou a importância da preservação do meio ambiente. “As árvores são responsáveis por fazer a purificação do ar; além de servir de matéria prima para muitas coisas, como por exemplo, o caderno, o lápis para usar na escola”, disse.

Fonte: SME do Natal

Um projeto Sinduscon RN e IDE.

Observatorio da Educação (c) 2012 - Todos os os direitos reservados