Notícias

04/06/2015 - Falta de professores é o fator que mais prejudica a vida escolar do estudante

Segundo enquete realizada pelo Observatório da Educação do Rio Grande do Norte, a falta de professores para turmas e/ou disciplinas por semanas, meses e ano é o fator que mais prejudica a vida escolar de crianças e jovens, logo após vem greve dos professores, em segundo, e falta de conservação das instalações físicas das escolas e/ou dos equipamentos, em terceiro. Para efeito de constatação, o país tem um déficit de 32,7 mil docentes só no ensino médio, concentrado especialmente na área de exatas, sendo mais de 9 mil apenas na disciplina de física.

Confira agora o resultado da enquete:                

O que mais prejudica a vida escolar de crianças e jovens?

Falta de professores para turmas e/ou disciplinas por semanas, meses e ano: 73,48%

Greve dos professores: 18,75%

Falta de conservação das instalações físicas das escolas e/ou dos equipamentos: 7,81%

Rodrigo Zuza | Observatório da Educação do RN

Um projeto Sinduscon RN e IDE.

Observatorio da Educação (c) 2012 - Todos os os direitos reservados