Notícias

03/06/2015 - RN é o estado com maior número de bibliotecas rurais

O Rio Grande do Norte é o estado brasileiro com maior número de unidades no Programa de Bibliotecas Rurais Arca das Letras. Desde a implantação do projeto no Estado, em março de 2004, já foram distribuídas 659 bibliotecas com quase 90 mil livros, lidos pelos 117.800 leitores cadastrados e 1.069 agentes de leitura capacitados pela Secretaria de Estado de Assuntos Fundiários e de Apoio à Reforma Agrária (Seara).

Do alto dos seus seis anos, Isabel de Souza já sabe o que gostaria de ser quando crescer: “Uma princesa bem boazinha com as pessoas. Ou então quero ser enfermeira, mas dessas que cuida de bichos”, especifica a menina, moradora da zona rural de Pedro Avelino, cidade da região central do Rio Grande do Norte.

Mesmo vivendo uma dura realidade, na qual tem que enfrentar fantasmas como o da fome, que parece sempre estar à espreita, ou monstros como a ausência de um chinelo novo no pé, há espaço para sonhos com princesas na vida da garota.

Este espaço foi aberto no ano passado, quando ela entrou em contato, pela primeira vez, com o fantástico mundo da leitura. Em suas mãos, as páginas lhe parecem ser tão boas quanto – ou até melhores – do que as de um computador ou aparelhinho eletrônico desses que a gente se habituou a ficar deslizando o dedo indicador direito.

Foi o Programa de Bibliotecas Rurais Arca das Letras que levou a pequena a esse universo de onde brota o conhecimento. Criado em 2003 pela Secretaria de Reordenamento Agrário do Ministério do Desenvolvimento Agrário, o programa é executado com absoluto sucesso no Rio Grande do Norte pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Estado de Assuntos Fundiários e de Apoio à Reforma Agrária e entidades parceiras.

O objetivo é ampliar as oportunidades culturais daqueles que vivem no campo, incentivando a leitura e o acesso aos livros em assentamentos, comunidades de agricultura familiar e de remanescentes de quilombos. Na prática, funciona com a instalação de uma pequena estante – a Arca – com cerca de 200 títulos de literatura infantil, juvenil e adulta, além de livros didáticos, de pesquisa e técnicos. Detalhe: o móvel é fabricado na marcenaria da Penitenciária Agrícola Mário Negócio, em Mossoró.

Os próprios moradores indicam o local de instalação das Arcas, os assuntos de seu interesse e seus Agentes de Leitura, voluntários das comunidades que são responsáveis pelo empréstimo dos livros e pelo incentivo à leitura no local.

Números
117.800 leitores estão cadastrados, além de 1.069 agentes de leitura capacitados pela Seara.

200 títulos de literatura infantil, juvenil e adulta, livros didáticos, de pesquisa e técnicos é o volume de acervo em cada uma das bibliotecas instaladas.

Fonte: Tribuna do Norte

Um projeto Sinduscon RN e IDE.

Observatorio da Educação (c) 2012 - Todos os os direitos reservados