Notícias

26/04/2013 - Audiência discute Plano Municipal da Educação de Natal

Fonte: http://www.cmnat.rn.gov.br

 


Fotos: Marcelo Barroso

 

A Câmara Municipal de Natal realizou na manhã desta quarta-feira uma audiência pública sobre o Plano Municipal da Educação para a capital potiguar. A audiência foi proposta pela presidente da Comissão de Educação da casa, vereadora Eleika Bezerra (PSDC).

Além dos indicadores educacionais, a audiência também debateu o Plano Plurianual da Educação e suas diretrizes orçamentárias, que segundo os participantes, deve andar em consonância com o Plano Municipal. “O Plano de Educação é um instrumento que determina as metas e as estratégias das ações do poder público para educação escolar. Temos que avaliar se essas metas e se as ações estão sendo cumpridas”, concluiu a presidente da Comissão da Educação.

A vereadora lamentou a ausência de representantes da secretaria municipal da Educação (SME).”A secretária justificou sua ausência mas há outros membros da pasta que poderiam representa-la e seriam fundamentais para esclarecimentos e para o debate”, afirmou a vereadora. Eleika Bezerra destacou ainda a necessidade do engajamento familiar. “Não podemos avançar na educação deste país se as famílias também não participarem, cobrarem e fiscalizarem”, disse.

“Vamos aqui discutir o plano municipal da educação, que nós como Sinte/ RN esperamos que seja implantado. Torcemos para que o plano municipal da educação tenha no mínimo a mesma atenção nacional com relação aos investimentos e aplicação das políticas publicas na pratica. Lembrando que até hoje não temos nosso plano nacional aprovado, mas mesmo assim nos já podemos sentir mudanças no cenário da educação deste país”, disse o diretor de comunicação do SINTE/ RN, Ionaldo Tomáz da Silva.

“O SINTE/RN fez um levantamento municipal da situação das escolas e este ano estamos fazendo um levantamento estadual. Quero aqui destacar também que nossos colegas professores estão fazendo a parte deles, mas quais as condições que temos para cumprir nosso exercício de docência?”, completou Ionaldo Tomáz.

Índices educacionais

Durante a audiência, Cláudia Santa Rosa, assessora da Comissão de Educação Cultura e Desporto da Câmara Municipal, falou sobre os índices da educação no município, além de planos e metas para melhorias da rede de atendimento a educação. “Em 2013 quantas são as instituições conveniadas? É preciso saber como está o atendimento, quais os convênios e parcerias para com a educação. E sobre o plano, este para surtir efeito tem de ser efetivamente implantado e fiscalizado para o aperfeiçoamento de suas metas”, afirmou. Cláudia Santa Rosa falou ainda sobre os padrões de qualidade da infra- estrutura da educação.

Na audiência foram apresentados também os baixos índices de alcance do plano municipal da educação em vigência. Em 2012 o atendimento das crianças de 0 a 3 anos, foi de 12,53%, enquanto a meta a ser atingida até 2014, segundo o plano, é de 50 %. Com relação às crianças de 4 a 5 anos, em 2012 esse índice foi de 65,21%, cuja meta até o próximo ano seria de 80%, segundo o planejamento educacional.

“Esse balanço foi muito salutar para verificarmos a situação atual da educação do nosso município e infelizmente constatamos que as metas não estão sendo cumpridas. É nosso dever como cidadã e como vereadora acompanhar os encaminhamentos da elaboração do novo plano de educação, além de encaminhar à SME nossas observações da Comissão de Educação e Cultura aqui apresentadas e aguardaremos um retorno do executivo municipal”, concluiu Eleika Bezerra.

Participaram ainda da audiência os vereadores Dagô (DEM), Júlia Arruda (PSB), Aquino Neto (PV) e Ary Gomes (PP).

Um projeto Sinduscon RN e IDE.

Observatorio da Educação (c) 2012 - Todos os os direitos reservados