Notícias

11/03/2013 - Lançado observatório para fomentar o controle social e o debate de políticas educacionais

“Na verdade a nossa luta em relação ao portal começa agora”. Com estas palavras, bem realistas, o presidente do Sindicato da Indústria de Construção Civil no Rio Grande do Norte (Sinduscon), Arnaldo Gaspar Junior, deu por lançado o Observatório da Educação do RN, em solenidade no auditório da Federação da Indústria do Estado do RN (FIERN), na sexta-feira, 8 de março, na presença de empresários, educadores, políticos e representantes de órgãos governamentais.

Resultado de mais de um ano de trabalho, o Portal foi viabilizado graças a uma parceria entre o Instituto de Desenvolvimento da Educação (IDE) e o Sinduscon, e tem como objetivo disponibilizar conhecimentos significativos acerca da escola pública potiguar, de forma a colaborar na implementação de políticas públicas eficientes e eficazes, promovendo assim qualidade do ensino e aprendizagem, fundamental para o desenvolvimento humano, fortalecimento da economia local e equidade social.

O lançamento oficial do portal, no Dia Internacional da Mulher, constou dos tradicionais discursos dos idealizadores, seguido de palestra e debate com o renomado educador Moacir Gadotti, um dos mais fiéis seguidores do Mestre Paulo Freire.

Logo na abertura, a educadora Cláudia Santa Rosa, diretora do IDE e coordenadora do projeto, lembrou que a proposta de um portal reunindo tantas informações e que fosse funcional, inclusive cumprindo o papel de ouvidoria, não era um ideia nova, há anos fazia parte das discussões internas da ong, defendida pela também diretora e atual vereadora Eleika Bezerra, e encontrou respaldo no sindicato patronal. “Ampliamos a proposta visando fomentar o controle social e o debate de políticas públicas”, ressaltou.

O presidente do Sinduscon, Arnaldo Gaspar, começou seu discurso falando de uma pergunta que vem respondendo com muita frequência nas últimas semanas: qual a razão de um sindicato patronal da construção civil investir num portal dedicado à educação? “Abraçamos esta causa e enfrentamos este desfio por acreditarmos que educação gera riqueza, sendo única forma pacifica de distribuição de renda”, justificou. Emocionado, enfatizou: “demos luz a um filho extremamente belo, mas precisamos educá-lo para que cresça e ganhe o mundo”.

Para o empresário, o grande diferencial do portal será o geo-referenciamento de todas as escolas municipais, estaduais e federais do Rio Grande do Norte com nome de diretor, quantidade de alunos, estrutura física das escolas, desempenho nos exames nacionais e outros questionamentos feitos por quem faz a educação, acrescido de fórum de debates, pesquisas, notícias e outras ferramentas que vão possibilitar um olhar mais qualificado sobre a educação que se faz no território potiguar. Agora, a meta é sensibilizar e mobilizar os atores sociais, buscando dinamizar mais esta ferramenta de controle social.

O presidente do sistema FIERN, Amaro Sales, parabenizou a iniciativa, lembrando que a educação, na esfera profissionalizante, é um preocupação dos empresários que há 70 anos investem no setor, através de ações no Sesc e Senai, entre outras. Com relação ao Portal, foi enfático: “vocês vão encontrar dificuldades, mas não desistam, pois se trata de um projeto muito importante para o Rio Grande do Norte.”

Finalizando a programação, o educador Moacir Gadotti, livre docente da Unicamp e autor de vários livros na área de ensino, ministrou palestra abordando o tema: “Estado e sociedade civil: um diálogo necessário” - CLIQUE AQUI E CONFIRA O TEXTO COMPLETO - , em que destacou a importância da participação social como meio para qualificar o ensino. Para ele, a educação brasileira vive um momento virtuoso, devido ao aumento de vagas, mas que isso deve vir acompanhado de uma melhor qualidade do ensino. “O direito à educação não se resume no acesso à matrícula, mas a uma educação de qualidade”, enfatizou, lembrando que este ano será celebrado os 50 nos da experiência de Angicos e votado no Congresso o Plano Nacional de Educação – momentos muitos significativos para a  educação.

Entre os participantes do lançamento, destaque para os (as) secretários (as) municipais de educação de vários municípios, inclusive a da capital, profa. Justina Iva e o secretário adjunto de Educação do RN, Joaquim Oliveira; a Diretora do Centro de Educação da UFRN e da Escola de Educação da UnP, respectivamente, profas. Márcia Gurgel e Valéria Credídio, os deputados estaduais Hermano Moraes e Fernando Mineiro, a deputada federal Fátima Bezerra e os vereadores Eleika Bezerra e Hugo Manso, além de dezenas de diretores de escolas. Volnei Canônica veio do Rio de Janeiro e representou o Instituto C&A, parceiro histórico do IDE.

Um projeto Sinduscon RN e IDE.

Observatorio da Educação (c) 2012 - Todos os os direitos reservados